MUSEUS / EXPOSIÇÕES / MONUMENTOS

Partilhamos aqui algumas das sugestões culturais que falamos na emissão.

               PARA VER ATÉ FINAL DE JUNHO

EXPOSIÇÃO: MANOEL DE OLIVEIRA FOTÓGRAFO
A exposiçãoManoel de Oliveira Fotógrafo dá a conhecer uma faceta incógnita do consagrado realizador português. A mostra é ainda acompanhada por um ciclo de cinema, um programa de conferências e um catálogo.
Para ver na Casa do Cinema Manoel de Oliveira, em Serralves, até 27 de junho.

MUSEU DO ALJUBE:  EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA 8998 POMAR
Um feliz encontro entre o Atelier-Museu Júlio Pomar e o Museu do Aljube Resistência e Liberdade deu origem a esta exposição onde se apresenta uma seleção de diferentes núcleos de desenho, gravura e pintura, mas também documentos alusivos a obras e episódios de censura que remetem para o período de clausura, e de perseguição pela PIDE ao pintor Júlio Pomar. Poucos ainda sabem, ou melhor, menos dos que seria necessário, que o pintor foi o preso n.º 8998 do Registo Geral de Presos da PIDE, e que esteve preso em Caxias, entre março e agosto de 1947, devido à sua participação em ações de resistência ao regime. Entre 8 de abril a 30 de junho.

GEOPALCOS ARTE.CIÊNCIA.NATUREZA 
Um concerto ao cair da noite numa pedreira, uma ponte medieval revestida de tapeçaria, espetáculos no castelo, ou uma instalação artística numa mina de sal com 230 milhões de anos, são apenas algumas das atrações com entrada livre desta programação que decorre até setembro deste ano e que tem por objetivo promover o Geoparque Algarvensis Loulé-Silves-Albufeira, aspirante a Geoparque Mundial da UNESCO, e levar o público a conhecer os seus emblemáticos geossítios.
Destacamos: 
Dia 23 junho - “O osso do mar” na Mina de Sal-Gema, uma instalação artística, visual e sonora, por Miguel Cheta, Christine Henry e João Caiano. 
Dia 2 de julho - “ALGARVENSIS” / Tapeçaria” na Ponte Medieval de Paderne, será inaugurada a Instalação Outdoor, pela artista plástica Vanessa Barragão. 
Todos os eventos são de entrada livre e mediante lotação disponível. A programação na integra aqui. 

PARA VER ATÉ FINAL DE  JULHO

EXPOSIÇÃO ARTEMAR
A exposição bienal Artemar
está de regresso com arte contemporânea portuguesa no Passeio Marítimo do Estoril. 
Com temáticas alusivas ao mar, os jovens artistas convidados Cândido, Hugo Brazão e Lea Managil desafiaram a criatividade e apresentam obras inéditas, uma das quais nas águas do Atlântico. 
Com organização da Fundação D. Luís I e da Câmara Municipal de Cascais, e curadoria de Luísa Soares de Oliveira, pode ver esta exposição entre 5 de junho e 14 de julho no passeio marítimo do Estoril.

EXPOSIÇÃO SEJA DIA OU SEJA NOITE
"Seja dia ou seja noite pouco importa" é o nome da exposição de André Gomes e Pedro Calapez,  constituída por pinturas, desenhos e fotografias. Um cruzamento entre os olhares e meios de expressão destes dois artistas, no seguimento de uma longa cumplicidade relativa ao trabalho individual de cada um.
Para ver no Museu Coleção Berardo a partir de 16 de junho, nesse dia com entrada livre.

               NATUREZA FANTASMA
Natureza fantasma de Marco Martins com Fernanda Fragateiro, Gonçalo M. Tavares e companhia maior instalação 
Partindo dos álbuns de família deste elenco, Marco Martins, em colaboração com Fernanda Fragateiro e Gonçalo M. Tavares, criou Natureza Fantasma, uma instalação a partir da forma como estes registos moldam a memória, fixando determinados acontecimentos de forma fantasmagórica.
Sendo um arquivo fotográfico um repositório mais ou menos sistemático, a sua dimensão pessoal e familiar aponta para uma construção em que o tempo se reveste de traços e narrativas afetivas, para além da sua dimensão estritamente cronológica. Para ver entre 24 de junho a 16 de julho
De terça-feira a domingo no Armazém Sul* das 10h às 18h e, a partir de 1 de julho, das 10h às 19h
* Acesso ao Armazém Sul pela Garagem Sul (Jardim das Oliveiras ou pela Av. da Índia) ENTRADA LIVRE PARA PORTADORES DO CARTÃO CCB.
 

EXPOSIÇÃO SANTO ANTÓNIO
Um Amor que começou na história do Amor entre um avô, um neto e um Santo: o Santo António. Resultou numa coleção particular muito especial de Alexandre Correia, para perpetuar a memória do avô. Com mais de 800 obras na coleção, muitas delas exclusivas de artesãos portugueses, e que agora estão expostas pela primeira vez ao vivo em dois locais: 
- A exposição “Santo António, uma História de Amor” na galeria D.Dinis em Estremoz, até 4 de setembro - Mais informações AQUI; - A exposição “Santo António - Uma História de Amor no Contemporâneo” na Casa Mestre João Santos Oficina D'Artes em Alcobaça, até 19 de julho (terça a sexta-feira entre as 11h e as 17h, sábados e domingos entre as 15 e as 18h. Pode ainda participar nos workshops de cerâmica dias 24 e 29 de junho.)
A página da Coleção Particular de Alexandre Correia AQUI

DESENHOS E CARICATURAS DE AMADEO DE SOUZA-CARDOSO
«Vila Nova de Gaia recebe uma seleção de desenhos do génio do modernismo europeu, trabalhos muito raramente expostos e que refletem a importância do desenho e, em particular, da caricatura, como processo fundador da identidade artística de Amadeo de Souza-Cardoso
Para ver até 17 de julho na Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo, no Porto.

EXPOSIÇÃO: O GRITO DA IMAGINAÇÃO DE PAULA REGO
«A exposição reúne um conjunto de trabalhos de gravura, pintura e desenho de Paula Rego, tendo como ponto de partida o importante núcleo de obras da artista na Coleção de Serralves. Seja em composições mais extravagantes e repletas de humor e ironia, ou em narrativas pictóricas mais densas e cuidadosamente cenografadas, Paula Rego explora desassombradamente temas como o poder e a obediência, a dor física e psicológica, a vergonha e o orgulho, a violência, a solidão e a sociabilidade.»
Para ver de 24 de Abril e 31 de Julho na CINE-TEATRO GARRET, na Póvoa do Varzim.

EPHEMERAL MUSEUM OF URBAN ART
O Ephemeral Museum of Urban Art é nova casa da arte urbana no Lx Factory, em Lisboa. Este museu efémero só poderá ser visitado de 5 de maio até 25 de julho.
Com 100 obras de 40 artistas nacionais e internacionais, como Bordalo II, Vhils, Os Gémeos ou Pantone, divididas por 4 espaços, onde o próprio espaço joga com as obras artísticas através de luzes e da decoração. 
O museu está aberto de quarta-feira a domingo, entre as 11h e as 19h. Cada bilhete custa sete euros e a entrada é gratuita para crianças até aos 12 anos. 

PARA VER ATÉ FINAL DE AGOSTO

EXPOSIÇÃO CARTOON XIRA
A Cartoon Xira está de regresso ao Celeiro da Patriarcal, em Vila Franca de Xira. Comissariada pelo cartoonista vilafranquense António Antunes, a exposição traça a retrospectiva do ano anterior através dos melhores cartoons publicados em 2020. 
A Cartoon Xira reúne alguns dos melhores trabalhos dos cartoonistas portugueses Vasco Gargalo, André Carrilho, António Maia, Rodrigo Matos, Henrique Monteiro, Cristiano Salgado, Cristina Sampaio, Nuno Saraiva e, pela primeira vez, o cartoonista João Fazenda.
Nesta edição o convidado internacional é Ross Thomson, cartoonista escocês com uma longa e prestigiada carreira, os seus desenhos cheios de cor e bom humor prometem estimular o pensamento crítico e leve de quem visite esta mostra expositiva. 
A Cartoon Xira tem entrada livre e pode ser vista até 29 agosto de 2021.

PARA VER DEPOIS DE SETEMBRO

EXPOSIÇÂO EM CASA. 
Projetos para habitação contemporânea curadoria: Margherita Guccione, Pippo Ciorra, André Tavares e Sérgio Catumba 
Em que casas habitamos? Como é que os arquitetos de hoje desenham as nossas moradas e como é que as noções de habitação se transformaram no tempo da última geração? Esta exposição explora as interrogações e respostas a estas questões, construídas por vários arquitetos. Em Casa. Projetos para Habitação Contemporânea é uma exposição organizada pelo MAXXI, Museo Nazionale delle Arti del XXI secolo, de Roma, em colaboração com o CCB-Garagem Sul. Para ver até 5 de setembro - Terça-feira a domingo, Garagem Sul das 10h às 18h. Entrada livre no primeiro domingo de cada mês ( ENTRADA LIVRE PARA PORTADORES DO CARTÃO CCB.)

EXPOSIÇÃO FRANCIS BACON
«Num projeto ambicioso, as emblemáticas obras gráficas de Francis Bacon revelam a expressividade pictórica com que ele redefiniu a arte figurativa do séc. XX, mas também mostram as tragédias pessoais dos seus últimos 40 anos de vida.» Para ver de 29 de abril a 26 de setembro, na Galeria do WOW, no Porto.

INSTALAÇÃO: O REGRESSO DAS ANDORINHAS
«Rafael Bordalo Pinheiro idealizou e moldou em cerâmica as andorinhas que viriam a tornar-se um símbolo acarinhado entre portugueses e visitantes do mundo inteiro. Desde o século XIX que estas aves anunciadoras da Primavera decoram, amorosamente, fachadas de edifícios e o interior das casas.
Nesta instalação "O regresso das andorinhas",  Madalena Martins reinventa um regresso das andorinhas ao lugar que, em Lisboa, dá a conhecer a obra maior de Rafael. Trata-se de uma homenagem à sua criatividade e talento através do génio igualmente talentoso de uma jovem artista e sua admiradora.
Para ver de 2 de maio a 30 de setembro de 2021 no Museu Bordalo Pinheiro.»

EXPOSIÇÃO - MAGICAL GARDEN PORTO
Após 70 mil pessoas terem visitado em Lisboa, o Magical Garden chega agora ao Porto. 
Quando o sol se põe, o Jardim Botânico da Invicta transforma-se num mundo mágico, com centenas de lanternas gigantes e micro mapping, light design e experiências interativas que levam transportam o visitante através de diferentes culturas históricas e pelo meio de felinos, dinossauros, plantas e cenários exóticos e arrebatadores, mas sempre em total segurança".
De quinta a Domingo, de 24 de junho a 3 de outubro, pode visitar o ‘Magical Garden’ no Jardim Botânico do Porto.

EXPOSIÇÃO - A EMOÇÃO DO ESPAÇO
Cascais recebe a mostra internacional de escultura “A Emoção do Espaço”, que conta com obras de artistas como como Rodin, Man Ray, Miró e Henry Moore. 
Nesta exposição estão alguns trabalhos que marcaram a história da arte nos últimos cem anos, e resulta de uma seleção de peças da coleção de arte da fundação espanhola Azcona, com sede em Madrid. Podem ainda ser encontradas obras de artistas como Allen Jones, Antoni Clavé, Baltasar Lobo, Carmen Laffón, Edgar Negret, Gerardo Rueda, Gustavo Torner, Henri laurens, Jacques Lipchitz, Jorge Oteiza, Manolo Hugué, Martín Chirino, Susana Solano e Miquel Barceló.  A exposição pode ser visitada de 19 de junho a 3 de outubro no Centro Cultural de Cascais.          

EXPOSIÇÃO AI WEIWEI
O artista chinês Ai Weiwei, elegeu Lisboa para expôr a maior exposição que alguma vez organizou. “Rapture” reúne 85 obras de arte marcadas por um forte ativismo pelos direitos humanos, e aborda temas como a crise ambiental, os refugiados, a guerra, a censura, a perseguição política e a pobreza, entre outros.
Para além das peças importantes na carreira do artista chinês, pode ver outras inédias criadas este ano em Portugal e concebidas a partir de materiais existentes no país, como cortiça, mármore e azulejo.
Ai Weiwei mudou-se para Portugal, que considera o seu novo país de adoção e residência, em 2020, e escolheu o Alentejo (Montemor-o-Novo) para viver. 
Pode ver esta exposição na Cordoaria Nacional em Lisboa até 28 de novembro.

EXPOSIÇÃO: VISÕES DO IMPÉRIO
«A exposição Visões do Império dá-nos um vislumbre dos contextos de produção e dos usos da fotografia, relacionando-os com alguns dos eventos e processos mais relevantes da história do império colonial português.»
Para ver de 16 de maio a 30 de dezembro no Padrão dos Descobrimentos em Lisboa.

EXPOSIÇÃO: MULHERES E RESISTÊNCIA – NOVAS CARTAS PORTUGUESAS
«A exposição temporária Mulheres e Resistência – Novas Cartas Portuguesas e outras lutas pretende relevar o contributo de tantas mulheres que, com origens e percursos diferentes, inventaram e concretizaram batalhas pelos seus direitos, pela justiça social e pela liberdade, desde os anos 30 até ao 25 de Abril. Todos estes processos destacam o papel insubstituível das mulheres ao longo dos 48 anos de resistência ao fascismo e a sua importância na conquista da liberdade no nosso país.»
De 6 de maio a 31 de dezembro de 2021.

MUSEU DA MODA E DOS TÊXTEIS
Já abriu o sexto museu do quarteirão cultural de Gaia. O Museu da Moda e dos Têxteis está alojado em Vila Nova de Gaia, no quarteirão da WOW.É lá que pode conhecer os passos todos, desde o processamento da matéria-prima para obtenção do fio, passando pela tecelagem, acabamentos, confeção da peça e terminando na recriação de uma montra.
Pode conhecer também o trabalho de alguns dos estilistas mais prestigiados em Portugal, e alguns dos novos talentos, e a arte da filigrana.
Pode visitar o museu as 12h às 19h durante a semana e a partir das 10h aos fins de semana, os bilhetes estão à venda no site.

EXPOSIÇÃO GIACOMETTI E LINDBERGH
Giacometti e Lindbergh em exposição no Museu da Misericórdia do Porto
Vai inaugurar dia 15 de abril a exposição "Alberto Giacometti - Peter Lindbergh. Capturar o Invisível", no Museu e Igreja da Misericórdia do Porto.
Este projeto traz "pela primeira vez, a Portugal uma exposição que junta fotografias inéditas das obras do escultor suiço Alberto Giacometti, realizadas pelo fotógrafo e realizador alemão Peter Lindbergh. A mostra vai apresentar também algumas fotografias consagradas da carreira do fotógrafo de moda, entre as quais se destacam as da modelo Naomi Campbell e das atrizes Uma Thurman e Julianne Moore. Pode ver esta exposição até 24 de setembro.

MUSEU DO HOLOCASTO PORTO
Já abriu o primeiro espaço da Península Ibérica dedicado ao Holocasto.
Criado pela Comunidade Judaica do Porto (CIP/CJP), o Museu do Holocausto do Porto ocupa um espaço de 500 metros quadrados, onde os visitantes pode visitar a reprodução dos dormitórios de Auschwitz, corredores com a narrativa completa e fotografias e ecrãs com filmes reais sobre o antes, durante e depois da tragédia. Situa-se na Sinagoga Kadoorie Mekor Haim.

ART EXPERIENCE GALLERY - ONLINE
A ARt Experience é uma iniciativa que explora um novo conceito de interação com a cultura, aproximando as pessoas e a arte.
Pode ver, por exemplo, as obras da ilustradora Teresa Rego: https://artexperience.pt/#/artists/teresarego 
 

ARQUIVO SONORO DIGITAL - ONLINE
No Museu do Fado pode ouvir repertórios e Registos Sonoros desde o Início do Século XX.

CASA MUSEU MEDEIROS ALMEIDA - ONLINE
Casa-Museu Medeiros e Almeida deixa sugestões para visitar virtualmente a casa museu e aceder às suas novidades.

MUSEU BORDALO A PARTIR DE CASA - ONLINE
O Museu Bordalo Pinheiro tem investido na divulgação digital da obra bordaliana para que todos possam aceder a ela facilmente. Por isso mesmo, através do site, do Facebook ou do Instagram poderá descobrir a imensa obra de Rafael Bordalo Pinheiro e divertir-se sem sair do sofá.

MEMÓRIAS DE LISBOA - ONLINE
A página Memórias de Lisboa é um lugar especial para visitar. Reúne fotografias incríveis da cidade antes e agora e permite uma experiência interactiva fantástica, onde se percebem as diferenças entre sítios, monumentos ou ruas históricas, que aparecem lado a lado. O portefólio recorre a imagens de arquivo de espaços como o Arquivo Municipal de Lisboa ou a Gulbenkian e ao trabalho do autor desta ideia, Francisco Seixas, que, não sendo fotógrafo, foi juntando as suas próprias imagens mais atuais destes lugares emblemáticos.
O projeto é um livro em aberto e a ideia é ir acrescentando mais imagens. Fica o convite de fazer este passeio virtual pelo passado e pela passagem dos anos em Lisboa.

VISITAR LISBOA ROMANA - ONLINE
Um bom programa para fazer sem sair de casa, visitar Lisboa Romana através do seu compurtador.
Basta entrar no novo site com informação sobre centenas de vestígios romanos em Lisboa e na sua Área Metropolitana. Uma ferramenta interativa com textos, fotografias, vídeos e animações 3D sobre inúmeros vestígios de uma civilização milenar. Os costumes, a organização política, a economia e as construções de um povo que dominou uma porção significativa do mundo há mais de dois mil anos. As evidências da sua presença no atual território português estão muito concentradas nas regiões mais próximas do rio, provando que o Tejo tinha uma relevância muito significativa para os romanos.
O link directo é https://www.lisboaromana.pt/ 

VISITA VIRTUAL EXPOSIÇÃO RENÉ LALIQUE - GULBENKIAN - ONLINE
Esta é a primeira exposição que a Fundação Calouste Gulbenkian dedica a René Lalique desde 1988, centrada na relação do artista com o vidro. A seleção de cerca de 100 objetos, provenientes da Coleção do Fundador e de outros museus e coleções particulares, reúne joias, peças de ourivesaria, vidros e objetos de design.   Para ver AQUI

VISITA VIRTUAL DE DUAS COLEÇÕES - GULBENKIAN - ONLINE
Coleção do Fundador
Objetos do Antigo Egito, do Oriente Islâmico ou obras de artistas como Rembrandt, Turner, Monet, Rodin ou René Lalique são alguns dos destaques de uma das mais importantes coleções particulares de arte internacional, reunida em vida por Calouste Gulbenkian
Coleção Moderna
Amadeo de Souza-Cardoso, Almada Negreiros, Paula Rego ou Vieira da Silva são alguns dos artistas representados na Coleção Moderna, que reúne uma das mais completas coleções de arte moderna e contemporânea portuguesa, desde o final do século XIX até à atualidade. Para ver AQUI

VISITA VIRTUAL PORTUGAL - ONLINE
E que tal passear pelo nosso país mas sem sair de casa? É o que pode fazer com Portugal em 360º, uma plataforma de visitas virtuais e vídeos, com sugestões culturais que pode escolher por tema, por região ou distrito. Um programa giro para fazer com os mais novos e mostrar-lhes por exemplo os nossos castelos e património. Site directo AQUI