AUTOR

Redação

Guia: Conheça as praias do país com maior lotação

today 01 de julho de 2020

As idas à praia este ano vão ser diferentes. Em tempos de pandemia, os banhistas têm de seguir um conjunto de regras que garantam a segurança da saúde pública: distanciamento físico de 1,5 metros entre pessoas, excepto se forem do mesmo grupo, e de três metros entre chapéus-de-sol.

Para este período de férias e descanso, o Governo e as autoridades de saúde apelam ao “bom senso” dos banhistas para que seja evitada a propagação da Covid-19.

Para não ser apanhado de surpresa, recolhemos junto das autarquias e da entidade pública responsável pela promoção da atividade turística em Portugal todas as informações relevantes sobre cada uma das 10 praias do país com maior lotação durante esta época balnear, de acordo com a Agência Portuguesa do Ambiente. Confira mais abaixo o nosso mapa interativo e não se perca nesta época balnear.

 

Praia da Nazaré (Nazaré) - Capacidade para 17.100 banhistas

 

Conhecida como uma das principais vilas piscatórias portuguesas, esta é a praia mais concorrida do litoral/Oeste.

Em tempos de pandemia, a praia da Nazaré acumula ainda o título de areal com a maior lotação em todo o país, com capacidade para receber 17.100 banhistas.

Para chegar até lá basta seguir a N 242, até encontrar a marginal, onde existem lugares de estacionamento pago que permitem um acesso rápido e simples à praia, assim como 12 lugares reservados a pessoas portadoras de deficiência, que contam também com rampas de acesso ao areal.

A praia, vigiada durante a época balnear, está completamente integrada na zona urbana e conta com vários locais de lazer e de restauração para toda a família. A praia conta com cadeira anfíbia e sanitários.

 

Praia de Monte Gordo (Vila Real de Santo António) - Capacidade para 14.800 banhistas

 

É em Vila Real de Santo António, no sotavento algarvio, que encontramos a Praia de Monte Gordo, a praia algarvia com maior lotação nesta época balnear (14.800 banhistas).

A grande maioria do areal é ocupada por restaurantes, áreas desportivas e apoios balneares pensados para todas as idades.

A praia é vigiada, tem passadiços para uma circulação mais eficaz dos banhistas, está munida de cadeira anfíbia, tem posto de socorros, duches e sanitários e a avenida marginal conta até com espaços verdes e vários equipamentos turísticos.

O acesso é feito a partir da EN125, na direção de Monte Gordo, estando garantido o estacionamento ordenado e pago (pode também optar pelo acesso através da extrema nascente, junto ao Parque de Campismo Municipal, onde o estacionamento é gratuito, mas em terra batida). Junto à praia há poucos lugares de estacionamento.

Tendo em conta a proximidade com a fronteira, é uma praia também bastante procurada por espanhóis.

 

Praia da Fonte da Telha (Almada) - Capacidade para 14.500 banhistas

 

É uma das praias mais procuradas pelos habitantes de Lisboa e Almada, e pode receber até 14.500 banhistas, ao mesmo tempo, neste verão.

Com um extenso areal, são muitos os bares e restaurantes disponíveis para os banhistas, que podem ainda contar com vigilância ao longo de toda a época balnear.

É um dos pontos de encontro dos amantes dos desportos náuticos, sobretudo de surfistas.

O estacionamento é gratuito, mas o acesso principal é feito apenas pela N337. Fica o aviso: durante a época balnear os engarrafamentos são comuns.

 

Praia de Faro/Ilha de Faro (Faro) - Capacidade para 12.600 banhistas

 

Com um areal extenso, a Praia de Faro, situada na ilha, está a 10 km de distância da cidade, no sotavento algarvio.

Com restaurantes, bares e vários hotéis, é um dos pontos de excelência para os turistas que escolhem a região como local de férias.

O acesso automóvel pode tornar-se complicado, já que é feito apenas por uma ponte que faz a ligação à estrada de Faro, provocando engarrafamentos permanentes durante o verão. O estacionamento no local é gratuito, mas, por norma, não é fácil encontrar um lugar. 

Se preferir, pode optar por uma viagem de autocarro, através da rota 16, a mesma que liga ao aeroporto, com partidas a cada 30-40 minutos durante o dia: o bilhete individual custa 2,25 euros.

Dica para toda a família: caiaques e pranchas para remo em pé podem ser alugados no Centro Náutico da Praia de Faro para explorar os canais do Parque Natural da Ria Formosa.

Disponibiliza cadeira anfíbia e tem zona de sanitários e duche.

 

Praia de Carcavelos (Cascais) - Capacidade para 12.100 banhistas

 

Entre o Forte de São Julião da Barra e a ponta de Rana, é um dos “spots” de eleição dos surfistas.

O areal é acompanhado de uma zona pedonal onde podem ser encontrados diversos restaurantes, bares e esplanadas para todos os gostos.

Com posto de primeiros socorros, a praia de Carcavelos é vigiada durante a época balnear, tem disponível cadeira anfíbia e zona de duches, e conta com escolas de desportos náuticos.

Os acessos são variados e de automóvel basta seguir pela EN6 ao longo da costa. A viagem é agradável e, sem trânsito, o percurso de Lisboa até Carcavelos tem uma duração aproximada de 25 minutos. Na praia existem vários lugares de estacionamento livres, mas nem sempre é fácil estacionar durante o verão.

Se preferir, pode optar pelo comboio: bastam 20 minutos de viagem a partir da estação do Cais do Sodré (bilhete individual custa 1,75 euros, para adulto, e 0,95 euros, para crianças) e uma caminhada de 700 metros para chegar à praia.

Mas há mais motivos para visitar a praia de Carcavelos: na parte Norte da marginal encontra uma extensa zona verde que pode ser interessante descobrir em família.

 

Praia da Barra (Ílhavo) - Capacidade para 11.800 banhistas

 

Situada junto ao pontão que marca a entrada do Porto de Aveiro e onde desagua a Ria, a Praia da Barra é a que tem maior lotação na zona centro do país (pode receber 11.800 banhistas).

O areal é extenso e conta com o Farol de Aveiro como um dos principais pontos turísticos: foi construído há mais de um século e com 62 metros de altura é o mais alto do país.

A praia é vigiada durante o verão, disponibiliza cadeira anfíbia, posto de socorros, zona de duches e sanitários, bem como diversos espaços de restauração e lazer para as famílias.

Os entusiastas dos desportos náuticos também são fãs da Praia da Barra, sobretudo os que praticam surf, windsurf e vela.

O acesso automóvel pode ser feito pela A25 a Norte, ou pela EM592 para quem vem do Sul.

Assim que chegar à Praia da Barra não tem de preocupar-se com o estacionamento - está garantido nas ruas paralelas ao areal a custo zero.

 

Praia de Mira (Mira) - Capacidade para 11.200 banhistas

 

A Praia de Mira era, na primeira metade do século XX, uma aldeia piscatória conhecida como Palheiros de Mira, devido às construções de madeira utilizadas pelos pescadores.

Hoje em dia não faltam bares e restaurantes, além dos típicos locais de lazer para as famílias.

O areal é vigiado durante a época balnear e podem ser encontrados sanitários, postos de primeiros-socorros e cadeira anfíbia.

Se passar pela Praia de Mira não deixe de conhecer a Mata Nacional. É por lá que está “escondida” a Lagoa da Barrinha, com águas calmas e ideais para a prática de vela, canoagem e windsurf.

A Praia de Mira conta com estacionamento gratuito e bons acessos, através da EN109 para quem vem do Norte, ou da EN234, para quem chega do Sul.

 

Meia Praia (Lagos) - Capacidade para 11.000 banhistas

 

Uma das mais conhecidas da zona de Lagos, a Meia Praia, no barlavento algarvio, possui um areal extenso que se prolonga por cerca de 5 km entre a Marina e a Ria de Alvor.

Localizada perto da Estação de caminho-de-ferro, esta praia possui acessibilidades e apoios para pessoas com mobilidade reduzida.

A praia é vigiada, durante o verão conta com um Posto de Saúde, que funciona entre as 10h00 e as 20h00, zona de duches e sanitários.

Para os mais aventureiros também costuma ser possível alugar equipamentos para desportos náuticos.

A zona é servida de bares e restaurantes e, a partir de Lagos, basta seguir na direção da Marina para rapidamente chegar à Meia Praia.

Para estacionar basta escolher um dos locais disponíveis, mas atenção: há algumas zonas em que o serviço é pago.

 

Praia da Torreira (Murtosa) - Capacidade para 8.800 banhistas

 

Situada no cordão litoral que separa a Ria de Aveiro do mar, a Praia da Torreira tem o melhor dos dois mundos: o mar mais agitado, ideal para os surfistas, ou as águas mais tranquilas da ria, ideais para as famílias.

Se não quiser ir a banhos, pode optar por um passeio de bicicleta pela ciclovia paralela à praia.

A extensão do areal é acompanhada por vários bares e restaurantes, por isso não será difícil encontrar uma opção que agrade a todos os paladares.

A praia disponibiliza cadeira anfíbia, posto de socorros, zona de duche e sanitários.

Os acessos podem ser feitos através da EN327 e os lugares de estacionamento gratuitos não costumam ser um problema: encontra-os ao longo de todo o areal.

 

Praia da Rocha (Portimão) - Capacidade para 8.800 banhistas

 

A Praia da Rocha é uma das mais emblemáticas do Algarve e um dos locais de férias de eleição para portugueses e estrangeiros.

Na avenida que acompanha a praia encontra uma enorme variedade de alojamentos, restaurantes e cafés com esplanadas a acompanhar.

O areal estende-se por mais de 1 km e conta com uma rede alargada de passadiços onde se vão multiplicando os equipamentos de apoio aos banhistas.

A Praia da Rocha, no barlavento algarvio, é vigiada durante a época balnear e conta com um posto de primeiros-socorros, zona de duche e sanitários.

O acesso pedonal e automóvel é feito através da cidade de Portimão e vai encontrar vários lugares de estacionamento pago ao longo da Avenida Tomás Cabreira, no miradouro dos Três Castelos e também na marina de Portimão.

 

Consulte o mapa com as localizações das 10 praias com capacidade para mais banhistas:

 

Notícias Relacionadas