LUSA/PAULO NOVAIS

AUTOR

Agência Lusa

Mais de 800 operacionais combatem fogo no distrito de Castelo Branco

today 16 de setembro de 2020

Mais de 800 operacionais estavam às 07h30 de hoje a combater o incêndio que deflagrou no domingo em Proença-a-Nova e alastrou aos concelhos de Oleiros e Castelo Branco, segundo a Proteção Civil.

De acordo com informação disponível na página da internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o incêndio estava às 07h30 em curso e por dominar, mobilizando 875 operacionais, com o apoio de 292 veículos.

Na terça-feira, a Proteção Civil disse que 90% do fogo no distrito de Castelo Branco estava dominado.

"Todo o perímetro do incêndio está estabilizado, porém existe uma preocupação em 10% do território", relatou o comandante de agrupamento distrital Pedro Nunes, em conferência de imprensa, cerca das 20:00, no posto de comando instalado em Sobreira Formosa, no concelho de Proença-a-Nova.

Segundo Pedro Nunes, os 10% correspondem a partes do perímetro, que é superior a 60 quilómetros, que "estão ainda muito quentes e que tiveram atividade de fogo durante a tarde".

Por volta das 17h50, a página da ANEPC dava o incêndio como "em resolução".

Contudo, cerca das 19h30 a informação passou a "em curso", patamar no qual se mantinha hoje às 07h30.

De acordo com a informação disponível no 'site' da ANEPC, às 07h42 de hoje estavam envolvidos no combate a 69 incêndios (em curso, em resolução ou em conclusão) 1.253 operacionais, apoiados por 413 viaturas.

Os incêndios que mobilizavam mais meios às 07h42 eram o de Proença-a-Nova e o fogo que deflagrou às 20:53 na localidade de Barreiros, no concelho de Arcos de Valdevez, no distrito de Viana do Castelo, que mobilizava 94 operacionais, com o apoio de 31 veículos.