13 julho 2021
16:12
Redação

"Despedimo-nos todos". O letreiro que chamou a atenção das redes sociais

Facebook de Rachel Flores
Os trabalhadores de um restaurante nos EUA da cadeira de 'fast food' despediram-se com queixas nas condições de trabalho. Burguer King já respondeu

Os trabalhadores de um restaurante Burguer King na cidade de Lincoln, no Nebraska, nos Estados Unidos da América não estiveram com meias medidas e, perante uma alegada falta de condições laborais, decidiram despedir-se e escrever no letreiro que se encontra no exterior das instalações a seguinte frase: "Despedimo-nos todos. Pedimos desculpa pelo inconveniente”.

A situação aconteceu no sábado, por volta das 6 da manhã, mas rapidamente foi parar às redes sociais.

Rachel Flores, antiga gerente, explicou ao canal de televisão Channel 8, que nunca pensou que a mensagem, que foi colocada antes do restaurante abrir e que não esteve muito tempo visível, se tornasse tão viral. 

 

 

Seis horas depois a mensagem foi substituída: "Estamos a contratar. Horários flexíveis".

Os trabalhadores dizem ter deixado o emprego por falta de condições: "Despedimo-nos porque a gerência era uma piada e não se preocupava comigo nem com os meus empregados", escreveu Rachael Flores na rede social Facebook.

As queixas feitas pelos empregados do restaurante em regime de franchising passam pelo facto de não existir ar condicionado e de as temperaturas chegarem aos 32º graus dentro da cozinha. A antiga gerente, Rachel Flores, diz ter mesmo acabado por ir parar ao hospital por causa das temperaturas elevadas e da desidratação.

Os trabalhadores apresentaram o despedimento coletivo depois de Rachel Flores ter apresentado a sua demissão.

A empresa norte-americana, citada pela CNN,  afirma que “a experiência de trabalho descrita nesta localização não está em linha com os valores da marca” e que estão “a investigar a situação para garantir que não volta a acontecer no futuro”.

Mais Notícias