29 setembro 2021
10:29
Redação

Artista entrega telas vazias, foge com o dinheiro, mas garante que fez arte

DR
O museu de Arte Moderna Kunsten, na Dinamarca, entregou cerca de 72 mil euros ao artista para recriar um conjunto de obras sobre as diferenças do rendimento entre austríacos e dinamarqueses.

Um artista dinamarquês "fugiu" com cerca de 72 mil euros entregues pelo Museu de Arte Moderna Kunsten, na Dinamarca, depois de ter sido encomendada a recriação de um conjunto de obras para uma nova exposição.

Jens Haaning acordou com o museu, no norte da Dinamarca, em utilizar centenas de notas para recriar uma série de trabalhos feitos entre 2007 e 2010 que mostravam a diferença de rendimentos entre austríacos e dinamarqueses.

Em vez disso, o museu recebeu apenas duas telas vazias com o título "Take the Money and Run" ("Pega no Dinheiro e Foge", na tradução para português).

Numa entrevista a uma rádio dinamarquesa, Jens Haaning explicou que "o trabalho de arte que foi feito é que eu fiquei com o dinheiro". "Não é roubo, é uma quebra de contrato e essa quebra faz parte do trabalho", acrescentou.

O artista disse, ainda, que tomou esta decisão como forma de retaliação às más condições de pagamento do museu para a inclusão destes novos trabalhos na exposição, já que as obras pedidas "desprestigiam as criações iniciais".

Segundo a Bloomberg, o museu quer recuperar o dinheiro entregue a Jens Haaning, mas o artista não está interessado em entregar o valor correspondente.

Fica por saber se este passa a ser, em breve, um caso de polícia.

Mais Notícias