27 outubro 2021
19:10
Redação

Covid-19: Os pais já podem entrar nas creches e crianças podem partilhar brinquedos

A Direção-Geral da Saúde atualizou a norma para o funcionamento das creches, em contexto de pandemia.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou as orientações para o funcionamento das creches, creches familiares e amas, em contexto de pandemia.

Os pais passam a poder entrar nas instalações para levar e ir buscar os seus filhos, o que até agora não era possível, pois os menores de três anos tinham de ser entregues ou recebidos individualmente à porta dos estabelecimentos.

Na passada sexta-feira, o parlamento aprovou um projeto de Resolução do PAN para que o governo garantisse "o direito inalienável das crianças à presença de uma figura significativa nos momentos de transição nos contextos educativos”.

A norma da DGS refere que "no acesso às instalações do encarregado de educação ou pessoa por ele designado na entrega/receção da criança ou de outras pessoas devidamente habilitadas (ex. fornecedores de bens e serviços), deverá respeitar-se o distanciamento físico, evitar-se aglomerados e está recomendada a utilização de máscara facial".

Da lista de medidas de prevenção e controlo, desaparecem também as orientações relativas à organização da sala de atividades e à partilha de objetos e brinquedos.

Ainda assim, a DGS recomenda que "todas as creches devem manter-se devidamente preparadas para a abordagem de casos com suspeição de Covid-19, assim como para prevenir e minimizar a transmissão desta doença, através da ativação e atualização dos seus Planos de Contingência". 

A norma adianta que "no caso das crianças, os encarregados de educação do caso possível ou provável devem ser de imediato contactados para levar a criança e devem ser aconselhados a contactar o SNS 24 (808 24 24 24), o que também poderá ser feito na própria creche. Todos os encarregados de educação devem ser informados em caso de existência de um caso confirmado na instituição".

Mais Notícias