Ouça a Smooth FM em qualquer lado.
Faça o download da App.
21 julho 2022
13:19
Agência Lusa

Presidente e vogal da EMEL apresentaram demissão à Câmara de Lisboa

Nuno Fox
Os dois responsáveis pela empresa alegam "novos desafios profissionais".

O presidente do Conselho de Administração da EMEL, Luís Natal Marques, e o vogal Nuno Pina renunciaram aos cargos “por novos desafios profissionais”, decisão que já foi aceite pelo presidente da Câmara de Lisboa, anunciou hoje a empresa municipal.

“A renúncia aos cargos, a pedido dos próprios no passado mês de junho, foi aceite pelo presidente da autarquia [Carlos Moedas (PSD)] e torna-se efetiva a partir da tomada de posse do novo Conselho de Administração ou a partir de 01 agosto, de acordo com a lei”, informou a Empresa Municipal de Mobilidade e Estacionamento de Lisboa (EMEL), em comunicado.

Em declarações à agência Lusa, fonte oficial do gabinete de imprensa da empresa municipal indicou que a demissão de Luís Natal Marques e de Nuno Pina aos cargos que ocupavam no Conselho de Administração da EMEL não está relacionada com as recentes greves dos trabalhadores, mas “por novos desafios profissionais”, sem ligação à Câmara de Lisboa.

Em comunicado, a empresa refere que “o presidente cessante deixa um profundo agradecimento a todos os trabalhadores da EMEL pelo esforço e empenho nas funções desempenhadas nestes últimos anos”.

Luís Natal Marques realçou o crescimento da empresa, que evoluiu de “mera gestão do estacionamento” para atuar nas várias dimensões da mobilidade, ao serviço dos cidadãos da cidade de Lisboa, afirmando-se hoje como “um agente de mobilidade abrangente”.

Mais Notícias