Ouça a Smooth FM em qualquer lado.
Faça o download da App.
05 dezembro 2022
14:08
Agência Lusa

Cartão Nacional do Voluntário é lançado esta segunda-feira

Novo cartão vai permitir saber quantos voluntários existem em Portugal ou quantas horas fazem de trabalho voluntário.

Quantos voluntários existem em Portugal ou quantas horas fazem de trabalho voluntário são perguntas que vão passar a poder ter resposta com o novo Cartão Nacional de Voluntário, iniciativa da associação ENTRAJUDA hoje apresentada.

A apresentação do cartão acontece quando se assinala o Dia Internacional do Voluntariado, numa cerimónia que servirá igualmente para homenagear o fundador da Academia do Johnson, João Semedo Tavares, que morreu recentemente.

Em comunicado, a ENTRAJUDA, que é uma associação de apoio às instituições de solidariedade social, destaca que "o objetivo desta ferramenta é beneficiar todas as entidades promotoras de voluntariado e todas as pessoas que dão o seu tempo por causas", adiantando que o projeto contou desde o início com o apoio da Confederação Portuguesa de Voluntariado e da CASES -- Cooperativa António Sérgio para a Economia Social.

De acordo com a ENTRAJUDA, este cartão está associado a uma aplicação - desenvolvida pela Imprensa Nacional-Casa da Moeda -- que pode ser descarregada e estará acessível em qualquer dispositivo e que, por sua vez, estará associada a um Portal de Voluntário.

Neste Portal há funcionalidades dedicadas aos Voluntários (que dispõem de uma área pessoal onde podem consultar o seu percurso no voluntariado e obter as declarações que atestam essa participação) e às Organizações Promotoras de Voluntariado (numa área dedicada, onde podem fazer o registo dos seus voluntários e ter conhecimento das horas de voluntariado prestadas), lê-se no comunicado.

De acordo com a associação, esta é uma aplicação que irá "permitir a obtenção de estatísticas agregadas do Voluntariado em Portugal, que podem também ser segmentadas por área de intervenção (Solidariedade, Desporto, Cultura, Ambiente, Proteção de Animais, Direitos Humanos)".

Explica ainda que a criação deste cartão nasce da necessidade de gestão e registo do trabalho voluntário em Portugal, passando, assim, a ser possível ficar a saber com maior rigor que e quantas pessoas fazem trabalho voluntário, durante quantas horas, para que instituições, etc.

A apresentação do cartão acontece hoje, pelas 16:30, na Academia do Johnson, na Amadora, e conta com a presença da ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho.

Mais Notícias