AUTOR

Redação

Morar em Lisboa leva mais de metade do orçamento

today 21 de outubro de 2019

Para arrendar uma casa na cidade de Lisboa, as famílias gastam 67% do orçamento. Se optarem pela compra a taxa de esforço é de 58%. As conclusões são de um estudo da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade de Lisboa, divulgado hoje pelo jornal Público.

As freguesias do Parque das Nações e Avenidas Novas registam uma taxa de esforço de quase 100% para uma família com rendimento médio (1524 euros)

Olhando para a Área Metropolitana de Lisboa, a seguir à capital vêm Cascais e Oeiras como os municípios onde a habitação aparece com uma grande peso nos orçamentos familiares.

O patamar dos 35% é recomendado internacionalmente como limite máximo da taxa de esforço a que devem ser submetidas as famílias para pagarem a sua habitação. Mas na AML o limite é ultrapassado em 11 dos 18 concelhos.