18 janeiro, 2021
Álbum da Semana

Spell My Name

O décimo álbum de Toni Braxton

A artista cresceu num ambiente de música, porque a mãe era cantora e o pai, pastor da igreja Metodista. Toni era a mais velha de 6 irmãos (5 raparigas e um rapaz), e todos cantavam na igreja. Mais tarde as irmãs formaram um grupo “The Braxtons”. E os pais adoravam a letra “T” nos nomes, pois Toni era a mais velha, depois havia a Tracy, a Towanda, a Trina e a Tamar Braxton. Só o rapaz se escapou da tradição da letra “T” e chama-se Michael. Apesar do sucesso deste grupo familiar, Toni quis arriscar numa carreira a solo e fez bem. Alcançou-o. 
Claro que nem tudo foi um mar de rosas, houve prémios e ganhou muito dinheiro, mas teve envolvida em escândalos e polémicas que envolveram problemas de saúde, falência, relações fracassadas, coisas que a afectaram durante algum tempo. Mas Toni Braxton reergueu-se e continuou a fazer aquilo que mais gosta. Escrever canções de amor e cantá-las. É isto que podemos encontrar nestes 10 temas que compõem o seu décimo álbum “Spell my name”.
Lançado no verão do ano passado, foi terminado em plena quarentena, que segundo a própria foi ótimo porque conseguiu passar tempo em família.
Com uma carreira de sucesso com mais de 30 anos, Toni Braxton é grata por fazer aquilo que mais gosta e por saber que continua a inspirar as pessoas através da música e das mensagens das letras. 


TONI BRAXTON - SPELL MY NAME:
1. Dance
2. Do It (with Missy Elliot)
3. Gotta Move On (feat. H.E.R.)
4. Fallin’
5. Spell My Name
6. O.V.E.Rr
7. Happy Without Me
8. Saturday Night
9. Do It
10. Nothin’ (Bonus)